Saltar para o conteúdo
EnglishFrenchGermanPortugueseSpanish

Turismo Cultural

” O património cultural e monumental de Barcelos é indissociável da sua história secular. O centro histórico é disto exemplo, um verdadeiro livro aberto com estórias e vivências para contar.”

Lugar único e peculiar, banhado pelo Cávado e moldado por séculos de histórias e tradições, o centro histórico é testemunho do seu percurso ao longo do tempo e das suas próprias raízes criadas no despontar da Nação Lusitana. Toda a malha urbana é fruto de uma vivência histórica com mais de 700 anos. Ao calcorrear o centro histórico está a pisar o mesmo caminho percorrido pelos peregrinos que rumam a Compostela. Todo o núcleo citadino é pautado por monumentos, acervos patrimoniais e artísticos, imóveis e pormenores arquitetónicos de várias épocas, desde o românico, gótico, passando pelo renascimento, pelo estilo barroco até ao neoclássico.


O Município de Barcelos foi distinguido internacionalmente com o Prémio Europeu de ‘Destino de Turismo Cultural Sustentável’ 2019, promovido pela European Cultural Tourism Network , na categoria de Contribuições das Indústrias Culturais e Criativas (ICCs), com o tema “Contribuições do artesanato e da arte popular como caminhos para um turismo mais sustentável”.   Decorrente do facto de o Município  Barcelos estar envolvido numa série de ações e projetos que se destinam expressamente a impulsionar o setor criativo e a fortalecer a sua interacção com o setor cultural e turístico, um trabalho, que  de igual modo, aposta na capacitação dos agentes locais para o valor do turismo criativo como força motriz do território.

 

 

  • Balneário Castrejo da Pena Grande (Galegos Santa Maria)

    Balneário Castrejo da Pena Grande (Galegos Santa Maria)

    Balneário Castrejo da Pena Grande (Galegos Santa Maria)

    Balneário datado da Idade do Ferro e princípio da Romanização. Está classificado como Monumento Nacional desde 1986. Ler mais

  • Campo da Feira (Campo da República)

    Campo da Feira (Campo da República)

    Campo da Feira (Campo da República)

    É neste local que à quinta-feira se realiza uma das mais antigas (1412) e tradicionais feiras da Europa. É uma excelente montra do artesanato e produtos hortícolas locais. Ao centro possui o monumental chafariz do século XVII, obra de João Lopes. Ler mais

  • Capela da Boa Fé (Bastuço S. João)

    Capela da Boa Fé (Bastuço S. João)

    Capela da Boa Fé (Bastuço S. João)

    Na parte Sul do Monte de Airó, destaca-se o miradouro da Senhora da Boa Fé, na freguesia de Bastuço S. João, que proporciona uma vista fantástica do Vale do Este. Ler mais

  • Capela de Nossa Senhora da Ponte

    Capela de Nossa Senhora da Ponte

    Capela de Nossa Senhora da Ponte

    Foi instituída em 1328 e reformulada no séc. XVII, sob o alpendre podem ainda ver-se os bancos e pias de pedra (lava-pés) para descanso dos peregrinos. Ler mais

  • Capela de Nossa Senhora do Facho  (Galegos Sta Maria / Oliveira)

    Capela de Nossa Senhora do Facho (Galegos Sta Maria / Oliveira)

    Capela de Nossa Senhora do Facho (Galegos Sta Maria / Oliveira)

    Situada a nascente de Barcelos, está o Monte do Facho oferecendo aos seus visitantes uma magnifica panormaica sobre a região. Ler mais

  • Capela de S. Francisco

    Capela de S. Francisco

    Capela de S. Francisco

    Situa-se na Rua de São Francisco. A sua fachada apresenta um pórtico datado do século XIV. Ler mais

  • Capela de São Lourenço (Alheira)

    Capela de São Lourenço (Alheira)

    Capela de São Lourenço (Alheira)

    Situada no Monte com o mesmo nome, num enquadramento paisagistico unico, este espaço é palco de uma das mais tradicionais romarias do concelho de Barcelos. Ler mais

  • Casa da Azenha

    Casa da Azenha

    Casa da Azenha

    Este imóvel reabriu ao público em 2015 revigorado e com outro objetivo. No piso superior, funciona um help point para acolhimento e apoio aos milhares de peregrinos que todos os anos cruzam o concelho, a caminho de Santiago de Compostela e outros com destino a Fátima. No piso inferior representa-se o ciclo do pão, uma […] Ler mais

  • Castro e Castelo de Faria (Gilmonde/Pereira)

    Castro e Castelo de Faria (Gilmonde/Pereira)

    Castro e Castelo de Faria (Gilmonde/Pereira)

    Os primeiros indícios de ocupação humana neste local datam de há 4000 anos. Há cerca de 2200 anos, uma grande comunidade ocupou toda a coroa do monte. Sobre as ruínas deste antigo povoado castrejo, no século XI, instalou-se no local um castelo, que foi um importante centro militar. Ler mais

  • Centro Histórico e Seus Jardins

    Centro Histórico e Seus Jardins

    Centro Histórico e Seus Jardins

    O centro de Barcelos é, por si só, a representação de uma herança cultural e histórica própria. Conhecida como a capital do artesanato e cidade berço da lenda do Galo de Barcelos, tem no seu tecido urbano a marca indelével da história secular, ainda viva. A cor, vivacidade e alegria minhota são indescritíveis. Vale a […] Ler mais

  • Chafariz do Largo da Porta Nova

    Chafariz do Largo da Porta Nova

    Chafariz do Largo da Porta Nova

    Belo chafariz em granito datado da primeira metade do século XVIII. Ler mais

  • Convento de S. Salvador de Vilar de Frades (Areias De Vilar)

    Convento de S. Salvador de Vilar de Frades (Areias De Vilar)

    Convento de S. Salvador de Vilar de Frades (Areias De Vilar)

    Fotografia de DGCN – Inês Dórey As suas origens deverão remontar ao século VI e ao bispo S. Martinho de Dume, da mesma época. Porém, não restam quaisquer vestígios. No século XI é, no local, edificado um Mosteiro Beneditino. Atualmente, da primitiva construção, resta apenas um portal com três arquivoltas ricamente ornamentadas. Este espaço, em […] Ler mais

  • Convento do Calvário do Bom Jesus da Franqueira (Pereira/Milhazes)

    Convento do Calvário do Bom Jesus da Franqueira (Pereira/Milhazes)

    Convento do Calvário do Bom Jesus da Franqueira (Pereira/Milhazes)

    Fundado no século XV, por frades franciscanos que se sentiram atraidos pela antiga nascente “Fonte da Vida”, reconhcida pelos seus poderes curativos. Foi ampliado no século XVIII. Foi também neste período que se construiu o Calvário. www.patrimoniocultural.pt  Ler mais

  • Cruzeiro do Galo

    Cruzeiro do Galo

    Cruzeiro do Galo

    No interior do Museu Arqueológico encontra-se este cruzeiro alusivo ao milagre de S. Tiago. Episódio que deu origem à lenda do Galo. Ler mais

  • Edifício da Câmara Municipal

    Edifício da Câmara Municipal

    Edifício da Câmara Municipal

    Este edifício é o resultado de uma série de anexações, reformas e acrescentos a partir do núcleo dos velhos Paços do Concelho, a que a grande remodelação e ampliação iniciada em 1849 procurou dar uma certa unidade. Aglomera o antigo Hospital do Espírito Santo, que serviu de posto de assistência dos peregrinos a Santiago de […] Ler mais

  • Escadório da Paixão (Cambeses)

    Escadório da Paixão (Cambeses)

    Escadório da Paixão (Cambeses)

    Datado do século XIX, este escadório adornado com sete capelas, alusivo à Paixão de Cristo. Realiza-se neste local uma das mais representativas e antigas procissões de Passos da arquidiocese de Braga. Ler mais

  • Igreja de Nossa Senhora da Franqueira (Pereira)

    Igreja de Nossa Senhora da Franqueira (Pereira)

    Igreja de Nossa Senhora da Franqueira (Pereira)

    É uma construção de princípios do século XV. A sua fundação dedicada a Nossa Senhora da Franqueira é por tradição atribuída a Egas Moniz. www.patrimoniocultural.pt  Ler mais

  • Igreja de Nossa Senhora do Terço

    Igreja de Nossa Senhora do Terço

    Igreja de Nossa Senhora do Terço

    Faz parte do antigo convento de freiras beneditinas, mandado edificar pelo Arcebispo D. Rodrigo de Moura Teles, em 1707. De arquitetura exterior simples, possui um interior riquíssimo. De uma só nave, com capela-mor de estilo barroco. Possui um exuberante púlpito de talha dourada e policromada. Destacam-se ainda as paredes revestidas a azulejos azuis e brancos […] Ler mais

  • Igreja de Santa Maria (Abade De Neiva)

    Igreja de Santa Maria (Abade De Neiva)

    Igreja de Santa Maria (Abade De Neiva)

    As origens da fundação da Igreja de Abade de Neiva parecem remontar ao século XII e à iniciativa da rainha D. Mafalda. O monumento atual, composto por igreja e torre, é do século XVI e revela-se um importante marco do estilo românico/gótico na bacia do Cávado, não pela sua dimensão mas por ser contemporâneo da […] Ler mais

  • Igreja de São Martinho (Balugães)

    Igreja de São Martinho (Balugães)

    Igreja de São Martinho (Balugães)

    Igreja Paroquial datada do século XII, construída ao gosto românico. Ler mais

  • Igreja e Necrópole de Mondim (Panque)

    Igreja e Necrópole de Mondim (Panque)

    Igreja e Necrópole de Mondim (Panque)

    Conjunto que engloba a primitiva igreja da extinta paróquia de Mondim e o seu cemitério, cuja cronologia ascende ao período pré-nacional e pré-românico. Ler mais

  • Igreja Matriz

    Igreja Matriz

    Igreja Matriz

    A sua construção iniciou-se na segunda metade do século XIV, foi ordenada por D. Pedro, o 3.º Conde de Barcelos, cujas armas estão gravadas nas arquivoltas do portal principal. É um edifício com cariz de transição do românico para o gótico. É um dos expoentes máximos da arquitetura românica no norte do país, alvo de grandes transformações ao longo dos séculos XV a XVIII. No século XX foi-lhe resti... Ler mais

  • Igreja Velha de Manhente

    Igreja Velha de Manhente

    Igreja Velha de Manhente

    A construção da antiga igreja monacal românica remonta ao século XII. Este monumento será, inclusivamente, uma das primeiras construções românicas nacionais. Como tal, constitui um exemplar de valor inestimável dos primórdios da nossa história da arte e da fundação da nacionalidade. É Monumento Nacional desde 1915. Ler mais

  • Largo do Apoio

    Largo do Apoio

    Largo do Apoio

    Terá sido o primeiro largo do “burgo” com traço do urbanismo medieval da cidade de Barcelos. No seu centro, um chafariz de tradição renascentista (1621) atribuído a João Lopes; à sua volta, a Casa dos Carmonas, a Casa do Alferes Barcelense e a Casa do Santo Condestável D. Nuno Álvares Pereira. Ler mais

  • Muralha (troço)

    Muralha (troço)

    Muralha (troço)

    Construção datada do século XV, parte da iniciativa do 8.º Conde de Barcelos, D. Afonso. Possuía três portas principais, das quais apenas resta a Torre da Porta Nova. São ainda hoje visíveis troços na frente ribeirinha do Cávado e na Rua Faria Barbosa. Ler mais

  • Museu de Olaria

    Museu de Olaria

    Museu de Olaria

    O Museu de Olaria ocupa o edifício da antiga “Casa dos Mendanhas Benevides Cyrne”, situado em pleno centro histórico da cidade. Foi criado em 1963 e abriu ao público em 1995. Integra a Rede Portuguesa de Museus (Instituto dos Museus e da Conservação) desde o ano 2000. O seu acervo, que conta atualmente com cerca […] Ler mais

  • Museu do chocolate

    Museu do chocolate

    Museu do chocolate

    Mais de 100 anos de história não aconteceram facilmente. Exigiram uma dedicação e esforço enormes de centenas de pessoas em prol de um objectivo comum. Criar um museu que conte essa história tornou-se o passo natural que homenageia todos os que contribuíram para o legado da Avianense. No museu é possível encontrar um relato próximo […] Ler mais

  • Paço dos Condes de Barcelos

    Paço dos Condes de Barcelos

    Paço dos Condes de Barcelos

    É um paço característico dos fins da Idade Média, construído na primeira metade do século XV, por ordem de D. Afonso 8.º Conde de Barcelos, 1.º Duque de Bragança. O Museu Arqueológico foi aí instalado no início do século XX. Está classificado como Monumento Nacional desde 1910 Ler mais

  • Passeio dos Assentos ou das Obras ( Jardim das Barrocas)

    Passeio dos Assentos ou das Obras ( Jardim das Barrocas)

    Passeio dos Assentos ou das Obras ( Jardim das Barrocas)

    Monumental trabalho do século XVIII, em estilo rococó provincial. Ler mais

  • Pelourinho

    Pelourinho

    Pelourinho

    Também denominado “Picota”, foi edificado ao gosto do gótico final, datado de finais do século XV, início do século XVI. Um dos mais emblemáticos pelourinhos nacionais dada a sua riqueza artística. De notar a gaiola hexagonal bem lá em cima! Ler mais

  • Ponte das Tábuas (Aguiar/Balugães) Século XII

    Ponte das Tábuas (Aguiar/Balugães) Século XII

    Ponte das Tábuas (Aguiar/Balugães) Século XII

    Ponto emblemático do caminho português a Santiago de Compostela. Ler mais

  • Ponte de Anhel (Alheira) Século XIII

    Ponte de Anhel (Alheira) Século XIII

    Ponte de Anhel (Alheira) Século XIII

    Esta travessia sobre o rio Neiva foi construída na Idade Média durante o século XIII, servindo a estrada que seguia de Prado para Viana do Castelo. Ler mais

  • Ponte de Fragoso (Fragoso) – Século XVI

    Ponte de Fragoso (Fragoso) – Século XVI

    Ponte de Fragoso (Fragoso) – Século XVI

    Ponto emblemático do caminho da Rainha Santa Isabel a Santiago de Compostela. Ler mais

  • Ponte Eiffel (Rio Covo Santa Eugénia)

    Ponte Eiffel (Rio Covo Santa Eugénia)

    Ponte Eiffel (Rio Covo Santa Eugénia)

    Inaugurada em 1877, esta antiga ponte do caminho-de-ferro foi um projeto do eng. francês, Gustave Eiffel. Ler mais

  • Ponte Medieval

    Ponte Medieval

    Ponte Medieval

    É uma edificação gótica em pedra do início do século XIV, faz a ligação entre Barcelos e Barcelinhos. Repare nos cinco arcos que a compõe, o central é mais alto. Um traço estrutural da época! Está classificada como Monumento Nacional desde 1910. Ler mais

  • Ponte Seca (Durrães)

    Ponte Seca (Durrães)

    Ponte Seca (Durrães)

    Datada do século XIX, também conhecida como Viaduto de Durrães, tem 22 metros de altura e 255 metros de comprimento. Os 16 arcos de volta redonda em cantaria, todos iguais, atingem, cada um, oito metros e meio de vão. Os arcos estão assentes em sólidos pilares do mesmo género de cantaria. Ler mais

  • Rua D. António Barroso (Rua Direita)

    Rua D. António Barroso (Rua Direita)

    Rua D. António Barroso (Rua Direita)

    Esta é uma das mais antigas ruas do centro histórico. Atualmente, é das mais animadas artérias comerciais da cidade. De destacar no início da rua o edifício da autoria do arquiteto José Marques da Silva. Aprecie também o edifício da Caixa Geral de Depósitos, do Arq. Ernesto Korrodi; o edifício com os nº 121 a […] Ler mais

  • Santuário de Nossa Senhora  das Necessidades (Barqueiros)

    Santuário de Nossa Senhora das Necessidades (Barqueiros)

    Santuário de Nossa Senhora das Necessidades (Barqueiros)

    Construído em meados do século XVIII. O templo substitui um nicho onde se guardava a imagem milagrosa da Santa, motivo de grande devoção nas redondezas, o seu estilo arquitectónico situa-se entre o barroco e o neoclassico. Ler mais

  • Santuário de Nossa Senhora Aparecida (Balugães)

    Santuário de Nossa Senhora Aparecida (Balugães)

    Santuário de Nossa Senhora Aparecida (Balugães)

    No início do século XVIII, a Virgem Maria terá aparecido ao pastor João. A primitiva capela foi então erguida sobre o penedo onde tudo aconteceu. Mais tarde, no mesmo século, o templo foi redimensionado. Ler mais

  • Santuário de Nossa Senhora do Socorro (Areias De Vilar)

    Santuário de Nossa Senhora do Socorro (Areias De Vilar)

    Santuário de Nossa Senhora do Socorro (Areias De Vilar)

    Situado no cimo de um grande escadório é uma reconstrução relativamente moderna datada do século XIX, na qual se pode observar a data de 1812 inscrita na sua porta principal. Ler mais

  • Santuário do Calvário (Tregosa)

    Santuário do Calvário (Tregosa)

    Santuário do Calvário (Tregosa)

    Datado do século XVI, esta construção é precedida por várias cruzes ao longo de um extenso escadório que formam o Calvário. Ler mais

  • Solar dos Pinheiros

    Solar dos Pinheiros

    Solar dos Pinheiros

    É um edifício quatrocentista, datado de 1448, destacando-se os elementos de características manuelinas. Testemunho da arquitetura civil da aristocracia resultante dos descobrimentos portugueses e do comércio ultramarino. Descubra onde está o homem de grandes barbas, o “Barbadão”! Está classificado como Monumento Nacional desde 1910. Ler mais

  • Templo do Bom Jesus da Cruz

    Templo do Bom Jesus da Cruz

    Templo do Bom Jesus da Cruz

    Palco central da tradicional Festa das Cruzes (3 de maio). A sua origem está relacionada com o aparecimento misterioso de uma cruz de terra negra no chão barrento do Campo da Feira, em dezembro de 1504. O templo atual abriu ao culto em 1710. Edifício de cúpula e planta centrada com o espaço interior disposto […] Ler mais

  • Theatro Gil Vicente

    Theatro Gil Vicente

    Theatro Gil Vicente

    Construção do final do século XIX, com uma fachada ao estilo neoclássico revivalista. É a mais antiga casa de espetáculos da cidade. A sua construção deveu-se à vontade indómita de um punhado de naturais, entre os quais salientamos, os irmãos António e Abel Fiúza, Manuel Viana e os Drs. Martins Lima, Rodrigo Veloso, António Ferraz […] Ler mais

  • Torre Medieval

    Torre Medieval

    Torre Medieval

    No início do século XV, D. Afonso, 8º Conde de Barcelos, mais tarde 1º Duque de Bragança, empenhou-se em construir à volta de Barcelos uma sofisticada cerca urbana. A Torre da Porta Nova é a única das três principais portas da muralha que chegou até à atualidade. Em 1926, foi classificada como Monumento Nacional. Com […] Ler mais

 

 

 

2019 - Todos os Direitos Reservados - Município de Barcelos | Política de Privacidade | Desenvolvido por DMT

Tamanho da Fonte