Barcelos, Cidade Criativa da UNESCO

Cidade de muitos e reconhecidos artesãos das mais diversas artes ofícios. É acima de tudo terra de barristas, conhecida por ser o berço do Galo de Barcelos, imagem maior do turismo português no mundo e símbolo de boa fé e justiça.

Barcelos é cidade e sede de concelho como cerca de 120.000 habitantes, sendo os fortes os laços que ligam todos os barcelenses à comunidade artesanal local e por isso se abrem tão facilmente caminhos para a sustentabilidade do setor criativo local.

Presentemente, o setor emprega cerca de 8% da população ativa do concelho. O município desenvolve por isso grandes esforços no sentido de incentivar e apoiar o setor criativo, bem como apoiar o surgimento de novas gerações de artesãos.

A Mostra Nacional de Artesanato e Cerâmica de Barcelos comprova esse dinamismo, anualmente, durante cerca de duas semanas, no inicio do mês de agosto, acolhe um vasto numero de artesãos e artes criativas, onde a prioridade são as artes e ofícios tradicionais , mas também abre as portas a novos criadores e novas formas de artesanato, este evento recebe cerca de 100 mil visitantes em cada edição.

O Município de Barcelos empreende ainda uma série de iniciativas para incentivar os jovens ao envolvimento com o setor criativo, promovendo nomeadamente a educação pela arte, que tem como objetivos reduzir as taxas de abandono escolar, promover a educação orientada para a cultura e profissionalização.

A cidade possui também um renovado Museu de Olaria, que salvaguarda a memória e tradição olárica do território e a Torre Medieval converteu-se num dos espaços de maior relevância para a promoção da criatividade local, é nomeadamente um espaço de excelência para realização de ações no âmbito do turismo criativo e cultural.

Barcelos possui um plano de ação que visa a renovar alguns espaços do centro da cidade com vista à constituição de espaços adicionais para apoiar a o artesanato e a arte popular, a criatividade e a promoção da cultura local.

Contribuições para uma rede

• Criar um Centro de Expressão Artística e revitalizar a Praça José Novais – dois espaços para a comunidade dedicados à aprendizagem, entretenimento, conhecimento e criatividade, e de networking com outras cidades membros da UCCN;

• Fortalecimento do Programa de Educação pela da Arte; uma iniciativa municipal para combater as taxas de abandono escolar através da colocação de projectos artísticos e programas educativos, nomeadamente através de novas perspetivas cooperação e intercâmbio com outras Cidades Criativas de Artesanato e Arte Popular;

• Implementação do Projeto de Internacionalização de Artesanato e Arte Popular, uma ação estratégica municipal que visa apoiar os criadores locais e o setor no sentido do desenvolvimento de uma economia criativa eficaz e sustentável;

• Organização de um Encontro Internacional de Artesanato e Arte Popular, que possibilite juntar Compradores e Criativos, encorajar intercâmbios culturais e económicos entre cidades criativas e criadores;

• Cooperar com cidades do Sul Global para promover a mobilidade, criatividade e desenvolvimento, fomentar intercâmbios interculturais e melhores práticas.

 

cidadecriativa.barcelos.pt
Tamanho da Fonte