Eventos Anuais

  1. Carnaval Popular - Dia de Carnaval

    Todos os anos, a Câmara Municipal de Barcelos comemora o Carnaval Popular de Barcelos, tendo o seu ponto alto o desfile dos carros alegóricos realizados pelas associações do concelho.

    Os preparativos para a grande festa, que traz às ruas da cidade mais de mil figurantes de 40 associações, que participam de forma espontânea no corso, já começaram a mobilizar a população e, em vários locais do concelho, já se prepara o grande dia.

    Com fortes marcas de ruralidade, o Carnaval, em Barcelos, continua a celebrar-se como manda a tradição: vasculham-se os baús e usa-se a imaginação para dar largas à criatividade, recriando situações e pessoas de forma divertida.

    O evento contempla os seguintes acontecimentos:

    • Desfile das Escolas, sexta-feira que antecede o dia de carnaval;
    • Feira do Fumeiro de sábado a terça-feira de carnaval;
    • Desfile de Cabeçudos e Gigantones, domingo gordo;
    • Concurso de Máscaras e Baile de Carnaval, na véspera de carnaval à noite;
    • Tradicional Cortejo de Carnaval Popular, pelas ruas da cidade, dia de carnaval da parte da tarde.

  2. Barcelos Cidade Medieval - Junho

    O Município de Barcelos, em parceria com a associação de eventos – Burgo Divertido, promove a organização de Barcelos Cidade Medieval com o objetivo de enaltecer o património histórico e cultural de Barcelos e fomentar o comércio local, associativismo e interesse turístico.

    Recua no tempo connosco!

    O centro histórico de Barcelos veste-se a rigor e recua à Idade Média. O casco antigo embeleza-se e recupera vivências de outras épocas, levando os visitantes a uma viagem no tempo redescobrindo a gafaria, a judiaria e as ruas de mercadores numa fiel recriação, que conta também com explicações históricas e visitas guiadas à Terra Condal.

    Serão rememorados os tempos medievais com artesãos de várias artes e ofícios, mercadores e taberneiros da época quinhentista a invadir a cidade e a celebrar a El Rei D. Manuel I, com torneios medievais (Liça), torneios de tiro com arco, diversões e jogos medievais, cortejo, demonstrações de falcoaria, cavalaria, cuspidores de fogo e muita música. De destacar o acampamento militar no Paço dos Condes de Barcelos, o torneio medieval/justas e a recriação do cerco ao Castelo de Faria.

    Os peregrinos a Santiago tornam-se elementos vivos desta recriação, atravessando o rio Cávado com o barqueiro, experimentando o lava-pés e assistindo à queimada galega.

    Numa iniciativa conjunta da Câmara Municipal de Barcelos com a Associação Burgo Divertido, Barcelos Cidade Medieval tem como principal objetivo dinamizar o centro histórico e os seus principais ativos, bem como promover as artes e ofícios tradicionais e recriar o contexto que terá estado na base daquele que é considerado um dos mais antigos mercados semanais de Portugal – A Feira de Barcelos.

  3. Festival de Internacional de Folclore do Rio - último fim de semana de julho

    O Festival Internacional de Folclore do Rio realiza-se desde 1980, num palco montado sobre as margens do Rio Cávado, na magnífica envolvente da zona histórica de Barcelos, onde desfilam as cores e culturas dos que nos visitam, num movimento harmonioso de indumentárias e danças.

    O melhor do folclore do mundo está presente, anualmente no verão, a cada edição do Festival do Rio, organizado pelo Grupo Folclórico de Barcelinhos.

    O Festival Internacional de Folclore do Rio é um dos mais importantes entre os nove que se realizam em Portugal no âmbito do CIOFF (Conselho Internacional de Organização de Festivais de Folclore e Artes Tradicionais), organismo internacional que supervisiona a qualidade deste e de outros festivais.

  4. Mostra de Artesanato e Cerâmica primeira quinzena de agosto

    A Mostra de Artesanato e Cerâmica é o maior evento anual da arte popular realizado em Barcelos e uma das maiores de Portugal, onde se reúnem praticamente todos os artesãos e artes locais. Realiza-se no último fim-de-semana de julho e termina no segundo de agosto, no Parque da cidade. É uma das mais antigas mostras de artesanato de Portugal e seguramente aquela que melhor espelha a autenticidade, criatividade e riqueza da arte popular portuguesa.

    Esta assume também um programa de animação baseado na riqueza cultural e etnográfica do concelho, valorizando assim todo o trabalho desenvolvido pelos grupos folclóricos e etnográficos na preservação dos costumes, trajes, canto e tradições locais.

    A gastronomia e os vinhos estão também presentes neste evento.

    É um palco onde se promove e valoriza o melhor das indústrias criativas locais no domínio das artes tradicionais, música, gastronomia e vinhos.

Tamanho da Fonte