Você está aqui: Entrada Notícias Arquivo de Notícias 2018 Julho 36.ª edição da Feira do Livro encerra com balanço positivo

36.ª edição da Feira do Livro encerra com balanço positivo

A 36.ª edição da Feira do Livro de Barcelos, que decorreu entre os dias 6 e 15 de julho, conseguiu, mais uma vez, trazer à cidade um grande número de visitantes aos stands de livros e às muitas atividades que decorreram em simultâneo.

Durante dez dias, o Largo da Porta Nova, a Avenida da Liberdade e o Campo 5 de Outubro, no centro da cidade de Barcelos, acolheram as diversas atividades da Feira e os 18 pavilhões das mais de 90 editoras presentes neste certame que, este ano, teve como tema a importância da cultura e dos livros para a paz e coesão social.
Marcada por lançamentos e apresentações de livros, recitais de poesia e música, teatro, concertos e animação de rua, a Feira do Livro de Barcelos voltou a oferecer uma grande variedade e qualidade de eventos. Por isso, o público correspondeu em grande número, quer visitando os stands e adquirindo livros, quer participando nas tertúlias, convivendo de perto com grandes nomes da cultura e da música portuguesas.
O evento abriu com uma intervenção artística de A Capoeira – Companhia de Teatro de Barcelos, seguindo-se a sessão inaugural com a presença de Fernando Baptista Pereira, adjunto do Gabinete do Ministro da Cultura, e mais tarde o conceituado jornalista José Milhazes, ex-correspondente da SIC na Rússia, apresentou o livro “Lavrenti Béria – um carrasco ao serviço de Estaline”.
José Milhazes, Joana Amaral Dias, Valter Hugo Mãe e Ricardo Carriço foram alguns dos nomes mais sonantes do programa. Os escritores barcelenses tiveram um lugar de grande destaque neste certame que, como habitualmente, contemplou um espaço reservado ao público infanto-juvenil com muitas atividades diárias.
O espaço infantil voltou a ser centro das atenções para as inúmeras crianças, graças ao vasto e variado conjunto de atividades, como ateliês, apresentação de livros, pintura, leitura de histórias e sessão de contos. Os mais novos tiveram ainda oportunidade de usufruir de atividades permanentes, tais como, o cantinho da leitura, jogos didáticos, mural de pintura e desenhos para colorir.
Todos os dias a animação de rua esteve a cargo d’A Capoeira – Companhia de Teatro de Barcelos.

classificado em: