Você está aqui: Entrada Notícias Arquivo de Notícias 2014 Fevereiro Escuteiros de Cambeses inaguram sede e capela de Nossa Senhora das Dores

Escuteiros de Cambeses inaguram sede e capela de Nossa Senhora das Dores

O Agrupamento 468 de Cambeses inaugurou no domingo, dia 16 de fevereiro, a sua nova sede e a capela de Nossa Senhora das Dores, com cerimónias presididas pelo Arcebispo Primaz de Braga, D. Jorge Ortiga e que contaram com a presença do Presidente da Câmara Municipal, Miguel Costa Gomes e do Vice Presidente do Município, Domingos Pereira.

As cerimónias, que incluíram também a presença do Presidente da Junta de Freguesia, de responsáveis do Corpo Nacional de Escutas a nível local, regional e nacional e muita população, começaram com uma missa na igreja paroquial, seguindo-se a inauguração dos dois novos espaços e a sessão solene.

A dar as boas vindas e a abrir os discusos, o chefe do Agrupamento, Sérgio Pinto, referiu que a construção da sede constitui a realização de um sonho, agradecendo aos escuteiros e à comunidade em geral o “esforço feito para conseguir” este equipamento, destacando o valioso contributo da Câmara Municipal, da Junta de Freguesia e da Paróquia para este grande objetivo.

O assistente do Agrupamento e pároco de Cambeses, padre Manuel Joaquim Costa, disse que o projeto de construção da sede dos escuteiros estava entre as principais necessidades detetadas quando chegou a esta paróquia. “A obra foi crescendo graças ao trabalho incansável” dos escuteiros e da paróquia, da Câmara Municipal e da Junta que “deram uma preciosa ajuda”, bem como das comunidades vizinhas que se associaram a este grande projeto.

O Presidente da Junta, Agostinho Silva, incentivou os escuteiros a continuaram a sua ação, mantendo vivos os valores da lealdade e espírito de sacrifício que os caraterizam.

Por sua vez, o Presidente da Câmara, Miguel Costa Gomes, referiu-se à importância dos escuteiros na encarnação dos valores fundamentais da nossa sociedade, felicitando o Agrupamento de Cambeses pela “dinâmica desenvolvida ao longo do tempo” e que a Câmara Municipal “vai continuar a apoiar”.

Agora, disse ainda Miguel Costa Gomes, “é preciso passar a uma fase seguinte”, abrindo o espaço da sede à população, isto é, implementar uma “dinâmica de utilização que envolva toda a comunidade”.

D. Jorge Ortiga começou por agradecer a colaboração de todos nesta obra, mencionando a este nível o apoio da Câmara Municipal, e incentivou os escuteiros a manterem o princípio de Baden Powell, segundo o qual temos o “dever de deixar o mundo um pouco melhor do que o encontramos”. É este espírito que carateriza o escutismo e que se traduz no conceito de servir, agir e fazer, e é a este espírito que deve ser visto a novo equipamento acabado de inaugurar. “É um espaço que deve estar ao serviço da comunidade, em especial, para a juventude”, porque “a juventude precisa de ser procurada”.

classificado em: