Você está aqui: Entrada Notícias Arquivo de Notícias 2014 Dezembro Projeto de Valorização Paisagística das Quintas de Prestar, em Barqueiros, está em consulta pública

Projeto de Valorização Paisagística das Quintas de Prestar, em Barqueiros, está em consulta pública

Decorre até ao dia 31 de janeiro de 2015, na sede da Junta de Freguesia de Barqueiros, a consulta pública do projeto de Valorização Paisagística das Quintas de Prestar, durante a qual a população poderá apresentar sugestões e propostas de alteração.

 

O

O projeto foi apresentado numa sessão pública promovida pela Junta de Freguesia de Barqueiros e pela Câmara Municipal, que se realizou no dia 6 de dezembro e que contou com a presença do Presidente da Junta de Freguesia, António Cardoso, técnicos do Município responsáveis pela elaboração do projeto e do Vereador do Pelouro do Ambiente da Câmara Municipal de Barcelos, Alexandre Maciel.

O Vereador explicou que “esta intervenção nas Quintas de Prestar foi considerada de interesse público pela Câmara e Assembleia Municipais de Barcelos e obteve a aprovação da Direção Geral de Energia e Geologia e da Direção Regional de Agricultura e Pescas do Norte”.

O projeto de Valorização das Quintas, que têm uma área total de 52.763 metros quadrados, contempla um lago com um palco no seu interior, um anfiteatro a circundar o lago, a casa mortuária de Barqueiros, parques de estacionamento, arruamentos interiores e exteriores, pedonais e carrais, parque de lazer (infantil e de manutenção), horta pedagógica, áreas verdes e edifício multiusos (centro de interpretação do caulino e da telha).

No final dos anos 80/início dos anos 90, o Governo decretou a suspensão da exploração de caulino nas Quintas de Prestar pela concessionária Mibal – Minas de Barqueiros, S.A, até que estivessem reunidas as condições objetivas e subjetivas, ou seja, que existisse paz social na freguesia de Barqueiros.

Depois de um período de negociação que decorreu entre dezembro de 2006 e novembro de 2007, e depois da Assembleia de Freguesia de Barqueiros ter autorizado na sua sessão de ordinária de 7 de dezembro de 2007, em 23 de julho de 2008 foi celebrado um protocolo de colaboração entre a Freguesia de Barqueiros e a concessionária, no qual se encontram vertidos os termos e condições em que estas entidades acordaram o reinício da exploração de caulino nas quintas de Prestar.

Os três aspectos fundamentais do protocolo são os seguintes: doação das quintas de Prestar à Freguesia de Barqueiros após a sua exploração, redução significativa dos prazos de exploração e recuperação por parte da “Mibal”, donativos monetários à Freguesia de Barqueiros.

Os donativos monetários permitiram à Junta de Freguesia de Barqueiros a requalificação da rede viária de Barqueiros, a electrificação do Terreiro das Necessidades e a construção da sede da Junta de Freguesia de Barqueiros, entre outras intervenções/obras.

Após a celebração do protocolo, o Governo, autorizou, por despacho datado de 25 de junho de 2009, o reinício da exploração de caulino nas Quintas.

Em 23 de novembro desse ano reiniciou-se a exploração de caulino nas quintas de Prestar e em 23 de novembro de 2011 concluiu-se a exploração de caulino e iniciou-se a recuperação paisagística daquele espaço.

Desde então está em curso a recuperação paisagística das quintas de prestar, encontrando-se, actualmente, em execução, a casa mortuária de Barqueiros.

As quintas de Prestar foram doadas em duas fases, uma primeira parcela de 15927/m2 em 2013, e restante área em 2014.

As escrituras públicas de doação foram celebradas entre a Freguesia de Barqueiros e a concessionária “Mibal”.

Projeto de Valorização

 

classificado em: